CONTRAMÃO DO SISTEMA: Baixada Fluminense - Refúgio de criminosos?

Pesquisa de Temas

quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Baixada Fluminense - Refúgio de criminosos?

A comunidade da Mangueirinha, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, recebeu uma UPP (Unidade de Polícia Pacificadora), foi a primeira cidade fora do Rio de Janeiro . O objetivo da Secretaria de Segurança é tentar frear o crescimento da violência na região.
A cidade de São João de Meriti, na Baixada Fluminense, ganhou também uma companhia destacada da Polícia Militar. A base ficará na rua Javali e contará com 60 PMs recém-formados, ligados ao Batalhão de Vilar dos Teles (21º BPM). A companhia busca aumentar o patrulhamento nos bairros Vila Ruth, Jardim Íris, Jardim Botânico e Praça da Bandeira. Esta é a oitava Companhia Destacada de uma série de 10 planejadas pelo atual comando da Polícia Militar.
O fato é que a baixada está sendo negligenciada pelo governo do estado. É claro! Cabral queria tirar os criminosos de seu curral eleitoral, garantir uma reeleição, sendo assim a baixada tem que esperar, até porque, os criminosos tinham que ir para algum lugar, e a Baixada Fluminense é o local perfeito para o Governador  e seu secretário de segurança, usarem como escoadouro para ... Seus novos visitantes.
Uma vez que a parte nobre do Rio de Janeiro já tenha suas UPP's, cuida-se do resto depois quando ele for o Cabral se tornar senador.
Não há intenção real de sufocar os criminosos, e não me parece uma ideia mirabolante que para fazer isso, é preciso um esforço de todos os municípios do rio de Janeiro, inclusive os da Baixada Fluminense visto ser uma área propícia para a criminalidade por tantos fatores sociais.
Mas é claro que Batman e Robin, digo, Cabral e Beltrame, sabem disso, mas não querem isso! A urgência é  "limpar" a zona sul e arredores, propositalmente deixando um brecha para a bandidagem se evadir para os municípios mais pobres da cidade. Afinal eles não pedem votos na Baixada mesmo.
Vamos ver se serão feitas mais instalações de UPP's, ou se o governador colocou esta unidade em Caxias e este destacamento em São João de Meriti por causa dos gritos da população, ou se vai continuar achando que os números que passam para ele são reais, e que os criminosos que encurralou no Rio, foram... Abduzidos. Enquanto isso os moradores da Baixada Fluminense continuam andando pelas ruas com medo, e o governador continua passeando de helicóptero, preocupado com as resoluções do trânsito para a COPA, e sem conhecer a realidade da Baixada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba aviso de postagens por e-Mail

Assuntos