CONTRAMÃO DO SISTEMA: Julho 2008

Pesquisa de Temas

terça-feira, 29 de julho de 2008

A Justiça feita com as nossas próprias mãos!


Robin Hood ...

Tirava do rico para dar aos pobres!

Hoje a injustiça continua.

Não acredito que tenhamos que ser os Robins Hoods de hoje, afinal ele era um ladrão!

Mas quando deixamos de dar ao próximo o que é de direito também é uma forma de cometer injustiça, porque não dizer que também é uma forma de roubar?.

Pois justiça é dar a cada um o que é de direito!
Ainda que não sejamos nós os que tem roubado, os que tem feito as grandes injustiças, as vezes cometemos, pequenas injustiças, no dia-a-dia, quando por exemplo, deixamos de alimentar uma criança, na rua, julgando que ela seja um pivete.
Sei que eventualmente até possa ser, mas julgar pela aparência também é uma forma imunda de injustiça
E quando temos boa vontade sempre encontramos uma forma de ajudar.
Camuflamos nossa acomodação na justiça de Deus, e dos políticos com seus conceitos corrompidos de justiça, e não fazemos o bem que poderíamos fazer.
É difícil para muitos aceitar que a injustiça que existe hoje, é resultado dessa acomodação, dessa espera para que os outros façam, para que os poderosos façam, e nada muda.
É difícil para muitos aceitar que o que vai suprir a necessidade de outrem, é o que está na despensa de suas próprias casas, nos seus próprios bolsos, em suas próprias contas bancárias e etc.
Dar a cada um o que é de direito, ainda que seja do meu, para que outros não fique sem ter.
Este não é um conceito fácil de se viver, mas, ignorá-lo provocou em nosso mundo toda essa injustiça.
Denunciar a injustiça é preciso, mas não é tudo, temos de fazer justiça com nossas próprias mãos.
Estender a mão não apenas para apontar a injustiça, mas, também para acudir o injustiçado
Não apenas orar para o faminto, mas, dar-lhe um prato de comida ...
Se você puder continuar esses exemplos, pode também fazer justiça com suas próprias mãos !

quarta-feira, 23 de julho de 2008

A Igreja e a Sociedade


          Será que a igreja tem que se preocupar com questões sociais?
Ou será isso apenas para políticos?

Outro dia, trocando de canal na televisão, assisti o comentário, de um pai de família cristão, em que ele dava a entender que, a preocupação do cristão, é com o céu, com as coisas espirituais e etc.
- ALIENADO! Eu disse.
Esse senhor estava tendo problemas com a esposa, que não é cristã.
Também com um pensamento desses não resultaria em outra coisa.
É como se ele estivesse casado apenas por instinto animal, pois na concepção dele, só o que importa é o céu !
A ponto de se expor em um programa de TV, exibindo uma mentalidade cristã ridícula, e o que é pior, fazendo com que as pessoas pensem que todo cristão pensa e age assim.

Acredito que essa alienação toda, é fruto de um conceito equivocado de Santidade, em que muitos pensam que para ser santo é preciso abandonar tudo que está relacionado com terra entre outros detalhes, Estranho isso, pois a Bíblia revela que "Os mansos herdarão a terra" , logo, a terra faz parte da herança de Deus pra nós.

Se o mais importante é o céu, pra que Deus instituiu a igreja na terra?
Caramba, a Igreja esta aqui com uma missão, e essa coisa de, povoar o céu, nem o Bill Gates aguenta, isso é fugir do propósito de Deus para a igreja, fingindo ter o grande propósito de encher o céu.
Isso é alienação!

E com isso, a igreja encarna a idéia de que não tem que se preocupar com questões sociais, com nada que envolva política, meio ambiente, relações internacionais e etc.
E daí ao invés da igreja educar cristãos para o mundo, cria fugitivos para os céus, como se Cristo fosse recebe-los com muita alegria.
O céu não é uma esconderijo gospel.
Essa atitude é característica a parte da igreja que alienou-se.

A outra parte, é a que não fugiu da responsabilidade de fazer desse mundo, um lugar melhor!

Matando a fome do faminto
Saciando a sede do sedento
Vestindo o nu
Visitando o enfermo
Libertando o cativo
Espalhando justiça
Amparando o abandonado
Fazendo de tudo por amor de todos

Essa é a atitude da verdadeira igreja de cristo!

Me recuso a ser um fugitivo, não tenho chamado para isso... E você ?

Receba aviso de postagens por e-Mail

Assuntos